Translate

Etiquetas

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

O meu filho é alérgico aos ácaros. O que posso fazer?

Apesar de serem invisíveis a olho nu, os ácaros estão presentes em todas as casas. Encontram-se de forma abundante em tudo o que acumule pó, particularmente tecidos. Assim, almofadas, colchões, cobertores, mantas, tapetes, peças de roupa e peluches são alguns dos seus locais predilectos.

Conselhos práticos
Uma vez que a cama é a principal fonte de ácaros, há algumas medidas fundamentais:
  • Os lençóis a usar devem ser sempre de algodão e não de flanela nem térmicos
  • Apenas pode utilizar edredões sintéticos; cobertores, mantas ou edredões de penas são proibidos
  • O colchão e a almofada devem ser de espuma ou material sintético e idealmente revestidos por coberturas anti-acaros. Devem ser exposto ao sol todas as semanas e o colchão e o estrado devem ser aspirados uma vez por semana
  • A roupa da cama deve ser lavada pelo menos semanalmente em água quente (> 55ºC)
Há ainda outros conselhos que deve seguir, pois ajudam também a diminuir a quantidade ácaros na sua casa:
  • Ventile a sua casa todos os dias abrindo as janelas
  • Quando a humidade exterior é elevada, deve utilizar um desumidificador
  • O quarto deve ter paredes lisas e laváveis e de preferência não deve ter cortinas nem tapetes
  • Deve manter o quarto o mais vazio possível, evitando todo o tipo de "tralhas" que acumulam pó: peluches, livros, bonecos, ...; uma alternativa é colocar esses objectos em armários fechados com porta
  • Se o seu filho tiver algum peluche preferido deve congelá-lo periodicamente durante a noite (os ácaros não resistem a temperaturas negativas) e lavá-lo semanalmente
  • Não deve limpar o pó com panos secos, vassouras ou espanadores (prefira panos húmidos ou aspiradores)
  • Quando estiver a aspirar a casa, o idela é que o seu filho não esteja presente, pelo menos até passarem 30 minutos
Nos casos mais graves estas medidas podem não ser suficientes, mas aí é sempre importante um acompanhamento médico especializado.

Sem comentários:

Enviar um comentário