Translate

Etiquetas

domingo, 22 de março de 2015

O meu filho ainda faz xixi na cama - o que posso fazer?

Apesar de ser geralmente uma "dor de cabeça" para os pais, a enurese nocturna (crianças que fazem xixi na cama) é uma situação de muito bom prognóstico, que geralmente resolve como tempo na maior parte dos casos.
Primeiro, importa esclarecer a partir de que idade é que é preocupante as crianças ainda acordarem com a cama molhada. Está actualmente estabelecido que essa idade são os 5 anos, pelo que antes disso é considerado "normal" que as crianças ainda não consigam controlar a eliminação da urina durante a noite. É mais comum nos meninos do que nas meninas e muitas vezes parece haver alguma predisposição familiar, havendo história de problemas parecidos com um dos pais ou avós.
Na maioria dos casos, a enurese é uma situação isolada, ou seja, não tem outros sintomas associados, nomeadamente a incapacidade em controlar a urina durante o dia, a dificuldade em lidar com a vontade de urinar, sede muito excessiva, dor ao urinar ou outras queixas. Caso estes estejam presentes, a situação requer uma observação médica mesmo antes dos 5 anos.
No entanto, nos casos em que a enurese não tem outras queixas, é importante perceber que ela se pode dever à produção de muita urina por parte da criança (principalmente se beber muito), ao facto da bexiga poder ser pequena ou então ao facto do músculo da bexiga poder ainda estar algo "imaturo". Pode ainda dever-se à criança ter um sono mais profundo (seja porque está mais cansada ou então por características individuais), o que dificulta o acordar a meio da noite.
Assim, há alguns conselhos importantes a ter em conta, nomeadamente:

  • Colocar a criança a urinar antes de adormecer e incutir-lhe claramente esse hábito
  • Relembrá-la que se tiver vontade de fazer xixi durante a noite deve ir à casa de banho (pode inclusivamente manter o acesso à casa de banho iluminado com luzes de presença, para evitar medos e receios)
  • Não usar fraldas durante a noite, especialmente se a criança tiver mais de 8 anos (pontualmente pode ser aceite usá-las, particularmente se houver visitas em casa ou estiverem nalgum sítio sem ser em casa)
  • Fazer com que a criança ajude a mudar a roupa da cama quando a molha (aqui o objectivo não é castigar, mas sim perceber que dá trabalho quando ela não consegue controlar a urina e que esse trabalho deve ser partilhado por ela também)
  • Fazer um calendário das noites secas, em que a criança deve apontar/pintar os dias que correram bem (pode e deve ter um sistema de recompensas quando isso acontece)
  • Dar de beber ao seu filho durante o dia, para evitar que ele tenha muita sede à noite e sinta necessidade de beber muitos líquidos
  • Limitar o consumo de líquidos a partir das 18:00 (um conselho prático: não anuncie que não pode beber, senão o seu filho vai manifestar sempre muita sede; o ideal é não lhe mostrar os líquidos para não se lembrar deles)
  • Treinar o seu filho a controlar a urina, evitando que vá fazer xixi imediatamente mal sente vontade durante o dia (isso vai ensiná-lo a ser capaz de controlar a saída de urina)
  • Usar um alarme específico destas situações, que se coloca nas cuecas da criança (apesar de ainda não ser uma prática corrente, é hoje em dia considerado um dos métodos mais eficazes, pelo que se deve aconselhar com o seu médico assistente)

Para além destes conselhos, há uma mensagem fundamental que deve ser sempre reforçada: não se deve castigar ou ralhar a uma criança só porque faz xixi na cama. As crianças com enurese não conseguem mesmo controlar e já é um fardo suficientemente pesado para elas ter que lidar com isso. Penalizá-las por esse facto, para além de ser injusto, é uma medida demasiado dura, porque elas não o fazem intencionalmente.
Se nenhuma destas medidas for eficaz, fale com o seu médico assistente para ver se  éindicado tentar outra solução, nomeadamente algum medicamento.

24 comentários:

  1. Isso de não pôr fralda durante a noite é bom em teoria, mas na prática não é muito exequivel. Estar a mudar as camas todos os dias a meio da noite e por vezes mais do que uma vez, principalmente quando se tem uma criança com o sono pesadissimo, é uma tortura tanto para a mãe como para a criança.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia,

      Concordo plenamente, mas quando se inicia o processo de desfralde é isso que deve ser feito. Logicamente, se a criança ainda não estiver preparada não vale a pena forçar (é preferível aguardar mais um pouco e esperar pelo momento certo), porque é só acrescentar mais um problema à situação em si. O fundamental é mesmo respeitar o ritmo de cada criança e saber intervir na altura adequada...
      Cumprimentos

      Eliminar
  2. Bom dia, tenho uma filha de 5 anos que houve alturas em que pareceu que essa situação estava controlada. Após o nascimento da minha 2ª filha o prolblema voltou e todos os dias. Comecei a deixar uma luz acesa, parecendo resultar, mas ao tentar desligar, o "acidente" acontece de novo. Devo preocupar-me por ela precisar de uma muleta para não fazer xixi na cama, tendo ela 5 anos?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde,

      Não me parece preocupante.
      Ainda por cima, se ela resolve a situação com uma luz acesa, penso que está no bom caminho para as coisas evoluírem naturalmente.
      Cumprimentos

      Eliminar
  3. Bom dia,

    Tenho um filho a caminho dos oito anos que sofre de enurese nocturna primária. Embora nunca tenha exibido sinais de estar pronto para o desfralde (fralda da noite seca, acordar para ir ao Wc, etc), já o tentámos fazer duas ou três vezes, com resultados desastrosos. Constatámos que ele faz xixi cerca de três vezes por noite (de 10 horas), em horas incertas, e que o faz absolutamente adormecido. A única forma de evitar que o fizesse na cama era, de cada vez, termos a sorte de nos anteciparmos ao xixi seguinte e levá-lo, meio a dormir. Muitas vezes, quando chegávamos ao quarto dele, já tinha feito. É de notar que o primeiro xixi ocorria nem três horas depois de adormecer. Percebemos que tirar-lhe as cuecas absorventes para depois sermos nós a fazer o mesmo papel (ir com ele ao WC várias vezes por noite) não fazia qualquer sentido. Mesmo assim, em cada tentativa, ainda persistimos uns dois ou três meses, sem qualquer alteração do padrão. Nunca conseguimos espaçar minimamente as idas ao WC e os acidentes continuaram a acontecer sempre que nos atrasávamos ligeiramente. É de notar, também, que lhe limitamos sempre o consumo de líquidos a partir das 18h00 (ele deita-se pelas 21h30). Bebe apenas o estritamente necessário para matar a sede (nunca mais de meio copo pequeno). A última coisa que faz antes de se ir deitar é fazer xixi.

    Há cerca de dois anos, uma ecografia prescrita por um pediatra (normalmente os meus filhos são seguidos pelo nosso médico de família) revelou uma bexiga pequena. Não me recordo do nome, mas receitou um medicamente que visava a inibição da produção de xixi. O elenco de efeitos secundários fez com que decidíssemos esperar um tempo para ver se a situação se resolvia sozinha.

    O António é (e sempre foi) uma criança confiante, segura nos seus afectos e com uma grande capacidade de verbalizar emoções e sentimentos. Os pais, embora divorciados já há cinco anos, têm uma relação próxima e saudável, tendo sempre articulado estes esforços em conjunto. O problema persiste e não sabemos o que fazer. O António pura e simplesmente não consegue reter o xixi na bexiga enquanto dorme. E não é não conseguir aguentar o xixi a noite toda e fazê-lo já perto da manhã - é como já disse acima, três horas depois de se deitar já as cuecas absorventes (ou o lençol, na ausência delas - não faz qualquer diferença) estão volumosas.

    O que nos aconselha que façamos? Parece-lhe caso para um urologista?

    Muito obrigada,
    Sara

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde,

      Pela sua descrição acho que se justificava começar por ir a uma consulta com um pediatra, antes de ir a um urologista. Penso que ainda há algumas opções a tentar, pelo que começaria por aí.
      Cumprimentos

      Eliminar
  4. Bom dia,
    Estou passando por esse problema com o meu filho, já não sei mais o que fazer. Ele tem 5 anos e meio, nunca conseguiu controlar o xixi quando dorme, tenho que colocar fralda nele a noite,já tentei não colocar mas o resultado foi desastroso; como moramos no RS é muito frio e corre o risco dele ficar doente se ficar molhado.
    Faço tudo o que é recomendado, não dou muito líquido a noite só o leite, já tentei acordar de 2 em 2 horas pra leva-lo no banheiro e quase sempre ele já estava com xixi, aí acabava desistindo porque meu esforço parecia em vão. Agora estou levando de 4 em 4 horas e o resultado é o mesmo. Confesso que as vezes perco a paciência pois a maioria das crianças nessa idade já não usa fralda pra dormir a muito tempo, e eu tenho que comprar no supermercado, as pessoas acham que tenho bebê em casa ainda. Fica parecendo que não soube ensina-lo, mas o xixi do dia ele aprendeu com 1 ano e meio.
    Você acha que ele tem enurese, é caso de fazer tratamento?
    Muito obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia,

      Penso que deve aguardar mais um pouco (até aos 6 anos) e não lhe ralhar ou castigar quando faz xixi.
      Se até essa altura não resolver acho que sim, deveria falar com o seu médico para poderarem a hipótese de iniciar tratamento.
      Cumprimentos

      Eliminar
  5. Olá boa tarde, tenho um filho com 9anos, que faz xixi na cama... Tem alturas que desespero, duas mudas de roupa por noite... Tem alturas que passa uma semana sem fazer, mas são raras essas semanas... Levanto-me várias vezes à noite para o levar ao WC... Ele tem o sono muito pesado. Já falei com a médica de família receitou uns comprimidos mas sem efeito.... Já não sei o que fazer, tenho medo que ele tenha algum problema... Mas acredito que seja "preguiça" e sono bastante pesado.. O que me aconselha fazer ? Obrigado pela ajuda.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde,

      O primeiro conselho é reduzir a ingestão de líquidos a partir das 18:00. Só depois de ter isso bem estabelecido é que faz sentido testar a medicação, que me parece uma boa opção.
      Se mesmo assim não resolver, acho que faz algum sentido a médica de família encaminhar para uma consulta de pediatria, para se tentar perceber de que forma é possível ajudar.
      Cumprimentos

      Eliminar
  6. Respostas
    1. Bom dia,

      Se tem mais de 12 anos acho que deve falar com o seu médico, porque me parece que precisa de orientação em termos de comportamento e, eventualmente, também de medicação.
      Cumprimentos

      Eliminar
  7. Boa noite
    Minha filha tem 2 anos e meio e não usa mais fralda durante o dia. Comecei o desfralde a noite, mas estou acordando a cada 2 horas para ela fazer xixi. Li em alguns artigos que ela ainda está imatura para o desfralde a noite, mas agora tenho medo de parar e perder todo o conquistado, pois embora ela não acorde pra fazer xixi e nem quando se molha, já senti que els está mais controlada. O que seria menos prejudicial pra ela, voltar a usar fralda ou persistir nesse processo? Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia,

      Não é fácil responder a essa pergunta de forma muito clara, mas se tem que a acordar de 2/2h provavelmente não está mesmo na altura ainda.
      Cumprimentos

      Eliminar
  8. Boa tarde,
    Sou educadora de infância e estou a trabalhar com crianças dos 5 anos, estas em setembro vão para o 1º ano do ciclo. Tenho uma duvida em relação a ir à casa de banho. Eu tento que as crianças não corram sempre para a casa de banho - de 15 em 15 minutos, para que quando forem para a escola primária a bexiga esteja treinada para aguentar mais tempo, gostaria de saber se estou a proceder bem? Se não faz mal a nível de saúde? Se crianças de 5 anos aguentam o xixi 45 minutos ou devemos deixá-los ir quando quiserem?
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa tarde,

      Sim, com essa idade podem aguentar 45 min e até mais. Achoq ue está a fazer bem, desde que eles correspondam.
      Cumprimentos

      Eliminar
  9. Bom dia
    A minha filha (4 anos e 1 mes) apos o Verão (3 meses)sem fraldas e com sucesso, assim que a temperatura desceu voltou a urinar todas as noites na cama.
    Devemos voltar ás fraldas apos este tempo todo? O ano passado foi o mesmo.... Mas como so tinha 3 semanas sem fralda, voltámos a colocar.... Agora apos todo este tempo....
    Muito obrigado
    Rui

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ja fez eco renal e vesical.... Tudo normal

      Eliminar
    2. Boa tarde,

      Experimente reduzir os líquidos querê-la bebe a partir das 18:00, para ver se urina menos. Para isso ser funcional, tem que tentar que ela beba mais água durante o dia, é uma parte importante a cumprir.
      Cumprimentos

      Eliminar
  10. Voltar à fralda apos este tempo é inviável certo?
    Muito obrigado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia,

      Sim, não me parece a melhor opção regressar às fraldas.
      Cumprimentos

      Eliminar
  11. Boa tarde,

    Tenho uma filha com quase 7 anos que sempre foi um castigo com que ela fosse a casa de banho fazer xixi e mesmo com muita insistencia minha ela acabava por dizer que não precisava e depois lá molhava as cuecas, até que ainda hoje a obrigo a ir a sanita. certo é que de ha um mês para cá a urina dela começou a ficar com um cheiro mais forte parece amoniaco, já lhe alterei a alimentação e tenho insistido nos liquidos mas também aumentou o numero de cuecas molhada, numa semana cheguei a ter 30 pares de cuecas molhadas.... e a coisa piorou a ponto de fazer na escola, que até a data não tinha acontecido, agora já são por 2 vezes que ela vem com a roupa molhada.
    Nós já falámos com ela várias vezes ela entende que não pode segurar o xixi até à ultima mas mesmo assim ela continua a molhar as cuecas e ém já tivemos 2 episodios de cama molhada mas parece que já acalmou.
    Eu associo isso a falta de atenção da minha parte, porque durante algum tempo eramos só as duas, porque o meu marido foi trabalhar para fora, mas há 2 anos que viemos viver com ele e entretanto tivemos uma filha que tem agora 6 meses. E penso que seja por eu agora não lhe dar a mesma atenção que dava antes que ela faz isto. Eu já tentei mudar um pouco isso mas talvez ainda seja cedo para ver resultados.
    Pedia a ajuda do Dr. para me orientar nesta situação.
    Obrigada
    Silvia M.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite,

      Se calhar o ideal era voltar ao treino de desfralde, ou seja, colocá-la a fazer xixi a cada 30 mintos, depois de 45/45 minutos, depois de 1/1h e assim sucessivamente. Elogie-a sempre que correr bem, porque ela vai-se sentir recompensada.
      Cumprimentos

      Eliminar
  12. Olá, gostaria de saber se quando a criança já faz o xixi na cama e continua dormindo, devo acorda lá pra trocar?

    ResponderEliminar