Translate

Etiquetas

quinta-feira, 14 de julho de 2016

A não perder no dia 25 de Julho...

No próximo dia 25 de Julho é a última segunda-feira do mês e, como habitualmente, vou estar no programa "Queridas Manhãs" da SIC.
Desta vez vamos falar sobre Hiperactividade e défice de atenção, um tema muito actual e controverso...
Não perca!

2 comentários:

  1. Olá Senhor Doutor, em primeiro lugar quero felicitá-lo pela sua participação no programa televisivo, e ainda pelos conselhos publicados neste blog.
    Eu tenho um netinho de 4 anos que vive comigo e com o meu marido, que é 1 avô de coração. O Tiago é filho de pais separados, vai passar o fim de semana com a mãe de 15 em 15 dias e o pai vem cá ficar com ele, no fim de semana em que o menino cá está. Ele adora viver aqui, pois tem 1 ambiente calmo, mas ao mesmo tempo divertido e cheio de coisas novas para ele descobrir e aprender. Tem uma ligação muito grande comigo, não gosta de estar sozinho e anda sempre com os brinquedos atrás de mim pela casa fora, está sempre colado a mim. Este ano vai entrar para o jardim de infância, vai-lhe fazer muito bem. No entanto, e desde pequenino que o menino não sabe brincar: atira com todos os brinquedos pelo ar e passa a vida a bater ora nos carrinhos, ora nos bonecos das séries televisivas que ele tanto adora, coitados dos brinquedos que levam tanta pancada... É capaz de estar horas sempre com essa "brincadeira" e destrói não só os brinquedos como armários, enfim já não sei o que fazer. O Tiago tem 2 dias por semana em que já vem para o computador fazer alguns joguinhos didácticos com letras, números, formas geométricas e cores. Gosta muito de desenhar e já começa a juntar as letrinhas para ler e também lhe estou a ensinar umas coisinhas em Inglês. Tem uma capacidade de aprendizagem muito razoável, um vocabulário e uma forma de se expressar já muito avançada. É uma criança prestativa, no sentido de ter iniciativa própria para ajudar e já colabora em algumas tarefas de casa, sempre com supervisão, como ajudar a por e levantar a mesa, ajudar a fazer a caminha dele e está muito desenvolvido para a idade. O problema é que ele está sempre ligado à corrente eléctrica, de dia e até de noite, pois durante o sono, tenho que colocar almofadas de cada lado da cama, para evitar que o menino caia abaixo. É muito stressado, não tem calma e quer fazer tudo a correr. Eu sei que ele está sempre metido em casa, mas eu não posso levá-lo a sair todos os dias à rua porque sou uma pessoa com mobilidade reduzida (desloco-me com 2 muletas)e, quando saio, o Tiago só quer saltar e corre pelo passeio fora, deixando-me muito aflita e depois não me obedece. Eu gostava de ter alguma orientação, não sei se estarei a falhar na educação e desenvolvimento dele, isto já não é nada igual ao tempo em que eu criei os meus filhos e os métodos são totalmente diferentes.
    Se possível, gostaria que o Senhor Doutor me dissesse alguma coisa a este respeito.
    Muito obrigada
    Mariazinha Cunha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite,

      Parece-me que não está a fazer nada mal, pode ficar tranquila. O que se passa é que nesta idade as crianças (e muito particularmente os meninos) gostam e precisam de brincadeiras "físicas", pelo que confesso que me parece que provavelmente a solução vai mesmo passar pela entrada no Jardim de Infância, onde ele vai poder gastar energias com os outros meninos.
      De resto, pela sua descrição parece-me que ele está mesmo muito bem convosco, não tenho dúvida...
      Cumprimentos

      Eliminar